Em compras superiores a 50€ oferta dos portes para Portugal continental.
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos
  • Galos

Galos

5,00 €  
IVA incluído

SKU: DCG11S

Pequeno - 11cm

Médio 18cm

Grande - 25cm

 

Lenda do Galo de Barcelos

Um peregrino a caminho de Santiago de Compostela é acusado de roubo ao sair de Barcelos e é condenado ao enforcamento. Num apelo final pede um encontro com o juiz, que se prepara para comer um galo assado. Como este não se convence da sua inocência o peregrino aponta para o galo assado que está na mesa e exclama: "É tão certo eu estar inocente, como certo é esse galo cantar quando me enforcarem!” O juiz ignora o apelo mas quando o preso está a ser enforcado o galo levanta-se subitamente e canta. O juiz, compreendendo o seu erro corre para a forca e salva-o. De acordo com a lenda o peregrino voltou anos mais tarde para esculpir o Cruzeiro do Senhor do Galo, que actualmente se encontra no Museu Arqueológico de Barcelos.

 

Se pretender alguma cor não apresentada fazemos personalizaçoes! Basta enviar um email com a cor pretendida

×